Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




disto dos comentários

por M.J., em 18.09.17

tive o hábito outrora de responder a todos os comentários.

uma questão de boa educação, pensava, na certeza do que o era.

depois, um dia, falei com alguém que me disse que não via assim.

e concordei:

o meu comentário é o post. grande, maior, mais pequeno ou minúsculo. fatela, piroso ou só banal. é todo ele um comentário. tem ideias, opiniões, pensamentos, emoções e às vezes confidências que não faço a mais ninguém. quando há uma resposta é bom. gosto. agradeço até. mas é uma resposta ao que eu escrevi inicialmente. e nem sempre há nada a responder de volta. ou às vezes há e passa. e nem sempre é necessária uma resposta à resposta. ou uma resposta à resposta da resposta. ou às vezes é e esqueço. 

 

mudei a maneira de ver este blog.

e lamento se isso incomodar quem aqui passa e comenta. mas acreditem que a minha ausência de resposta não é falta de consideração pela vossa resposta ao meu post. porque se assim fosse, havia uma desconsideração da vossa parte de todas as outras vezes que me leram e não comentaram. 

 

escrevo todos os dias. ou quase todos.e sempre ofereço um pouquito de mim. em troca não peço nada. se deixam um comentário há um acrescento ao que deixei para vós. e isso é um gesto bonito de quem recebe o que lê. mas a minha ausência de resposta à resposta não é desconsideração. 

 

seria melhor uma resposta à resposta sem qualquer conteúdo?

uma flor embonecada ou uma sinalética sem nada? só porque sim?

desculpem lá mas da minha parte (agora) não. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:18


2 comentários

Imagem de perfil

De Gaffe a 18.09.2017 às 15:24

Ainda mantenho a tua primeira atitude. Respondo a tudo o que me dizem, mesmo quando o que dizem se resume a uma flor. Não consigo deixar de o fazer, não consigo (ainda?) deixar de pensar que foi uma amabilidade e simpatia muito grandes abrirem a caixa de comentários e deixarem uma mensagem, mesmo pequenita e que não fornece grande contributo ao que escrevi (não tem de o fazer).
Não comento blogs, ou raríssimas vezes o faço, porque não tenho grande paciência, não tenho grande motivação, não sei quase nunca o que dizer. Talvez por isso respeite imenso quem comenta o meu e responda sempre aos que se dignam "falar" comigo.
Concordo com o que dizes, mas ...
Imagem de perfil

De M.J. a 18.09.2017 às 18:05

eu entendo. e compreendo por um lado. juro. sempre pensei assim. mas chegou uma altura em que respondia alguns comentários só porque sim. não todos. nem sequer a maioria. mas aqueles que eu comentava só porque sim faziam-me lembrar que aquela não era eu. não faço isso na vida. fujo aliás, do só porque sim. deixo perder pessoas, potenciais relações porque não tenho pachorra para o "só porque sim". e deixei de o fazer aqui.
o problema foi que na perda do hábito ficaram outros também. mesmo aqueles que eu queria responder fui deixando ficar para depois. amanhã ou depois ou depois porque agora não tenho tempo, não me apetece, não estou para aí. e de facto, para esses é injusto. para esses tento mudar :)

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



foto do autor