Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




da gaffe

por M.J., em 28.04.15

o processo é quase o mesmo. apaixonamo-nos por ela como pelas pequenas coisas. as mais banais que nos mantêm a alma em vida. ainda que ela seja extraordinária.

damos por nós envolvidos em magia nas palavras que escreve num tom madrepérola e que evocam tardes serenas de vidas enormes.

mergulhamos em águas profundas de sensibilidade em frases de corações abertos. e adivinhamos-lhe a beleza porque só as pessoas belas têm o condão de nos fazer apaixonar pelo que são no seu todo.

 

Parabéns minha querida. Atrasados um dia para deixar passar a multidão. Mas como tens de saber gosto muitíssimo de ti e não saberia já viver sem o que és naquilo que escreves.

 

 

publicado às 11:19


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 28.04.2015 às 13:43

É por estas e por outras que me sento neste tasco todos os dias...-))
Nuno

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



foto do autor



e agora dá aqui uma olhada