Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




se amanhã fosse o último dia

por M.J., em 06.03.17

e depois não houvesse mais, nem ser nem pensar nem ver nem sentir...

...tirando o óbvio cliché de "não ver crescer os meus filhos/não voltar a sentir quem amo" do que sentiriam falta da vida que levam?

 

em tudo o que são e pensam e vêem e sentem nos dias...

... o que lamentariam por perder?

que momentinho vos daria a amargura - mais do que todos - por não viverem mais?

 

 

sempre que chego à conclusão que não sei é que percebo quão estupidificante é a minha vida.

e no quão pequenita e banalzita me tornei

publicado às 13:00


1 comentário

Imagem de perfil

De A Caracol a 06.03.2017 às 17:00

Falta do mundo, no geral. De dar a volta ao mundo, de não correr a ansiada prova que me propus (yep, sou um bocado estranha), de conhecer tão pouco de pessoas que há tão pouco tempo cruzaram caminhos com os meus, dos textos que pairam nos rascunhos, à espera do dia em que serão terminados... De gargalhadas, de abraços, de sorrisos. E lágrimas também. E de dizer palavrões. Ou escrever, neste caso. Muita coisa, agora que penso nisso...

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



foto do autor


e agora dá aqui uma olhada